05/02/2018

Redação Games4U

PlayerUnknown's Battlegrounds bloqueia os trapaceiros

Multiplayer, E-Sports, Tiro, MMO, PC 

Os malandros são parte do universo dos jogos online desde que a tecnologia possibilitou as mecânicas de multiplayer nos videogames. E PlayerUnknown's Battlegrounds não está livre deles. Mas agora a produtora PUBG decidiu contra-atacar: já nas próximas semanas os servidores do jogo sofrerão mudanças drásticas para evitar os trapaceiros.

A PUBG tem até uma divisão da empresa especializada em anti-cheat que é encabeçada por Dohyung Lee, que anunciou nesta semana o contra-ataque contra os “malandros” do jogo.

Cheat clássico não autorizado em PUBG: mostrar a localização exata dos inimigos mais próximos

A partir de agora, o sistema vai bloquear programas externos que mudem o visual do jogo ou que ofereçam vantagens não autorizadas, como ver os inimigos em locais visualmente inacessíveis.

“Isso pode até afetar programas externos que não influenciam a jogabilidade de Battlegrounds, mas isso será temporário e estudaremos caso a caso”, avisou Lee. “Estamos estudando programa por programa em nossos servidores de testes, vamos liberar os inofensivos aos poucos.”

O sistema agora terá novas funcionalidades para bloquear os cheaters (trapaceiros). “Estamos acompanhando de perto atividades suspeitas para identificar os cheaters. Os jogadores também podem nos ajudar denunciando cheaters dentro do próprio jogo, pois há um botão para isso”, pediu Lee.

A partir de agora, modificar arquivos originais do jogo pode ser considerado trapaça e o jogador ter sua conta bloqueada. “Se modifica, apagar ou manipula os arquivos do jogo, vai acabar afetando o sistema de alguma forma e terá sua conta bloqueada”, alertou ele.

PlayerUnknown's Battlegrounds

Redação Games4U

PlayerUnknown's Battlegrounds

Outra mudança radical que chega ao jogo: o bloqueio das contas com compartilhamento tipo Família feitos no Steam. “Nós permitíamos que o usuário do PUBG compartilhasse seu personagem no Steam, mas isso estava sendo usado para explorar vulnerabilidades e vamos desativar essa funcionalidade. Pedimos a compreensão dos jogadores por essa medida radical, mas fazemos isso para combater o abuso e as trapaças.”

As novidades chegam a PlayerUnknown's Battlegrounds agora em fevereiro.

(Fernando Souza Filho)

 

compartilhe

Confira as notícias e vídeos do mundo dos games

Atualização corrige bugs de Playerunknown's Battlegrounds
PlayerUnknown's Battlegrounds terá versão para PlayStation