GAMES 4U
 
04/04/2018

Redação Games4U

Opinião: Far Cry 5 é mais do mesmo, mas é o melhor de todos

Tiro, Acao, Xbox One, PS4, PC 

Entre as grandes franquias padrão AAA da Ubisoft, é até difícil escolher o nome mais forte, afinal, a lista tem títulos como Assassin’s Creed, Driver, For Honor, Just Dance, Rayman, South Park e os inúmeros títulos da linha Tom Clancy (Rainbow Six Siege, Ghost Recon, The Division, H.A.W.X., Splinter Cell). Mas é inegável que a série Far Cry ganhou um impulso tremendo com o espetacular Far Cry 3 (de 2012) e com o estonteante Far Cry 4 (2014). Com Far Cry 5, lançado agora em março de 2018 (PC, PlayStation 4 e Xbox One), não é nenhum absurdo dizer que a Ubisoft se superou, tem em mãos o melhor título da série e com absoluta certeza entra no Top 5 dos melhores games que a empresa já desenvolveu. É mais do mesmo, sim, mas é o melhor de todos.

O enredo de Far Cry 5 tem uma pseudoprofundidade que é até interessante: um grupo de fanáticos religiosos liderados por um maluco chamado Joseph Seed toca o terror na região de Hope County, Montana, nos Estados Unidos. Você faz aqui o papel do jovem delegado que sofre um atentado quando sua equipe chega para cumprir um mandado de prisão contra o tal líder religioso. Perdido nas montanhas do “Condado da Esperança”, você precisa sobreviver aos perigos da vida selvagem (ursos, porcos-do-mato), encontrar grupos de resistência contra o líder maluco e tentar enfim acabar com a insanidade dos fanáticos que matam com uma Bíblia debaixo do braço.

Esse enredo de fato é diferente e funciona bem nas cutscenes, nos filminhos antes de cada missão. Depois de quatro ou cinco horas de jogo, no entanto, fica claro que mudam os nomes, mudam as motivações, mas a mecânica que faz desenrolar a história é a mesma de Far Cry 3 e 4. É lógico que é importante ressaltar que não ser algo totalmente novo não é ruim muito pelo contrário! Com todas as mecânicas reaproveitadas e as ideias requentadas, Far Cry 5 é viciante, empolgante e joga você com violência no imersivo universo de Hope County.

As mecânicas de combates e ação furtiva estão ainda melhores

Uma das coisas mais legais da jogabilidade é uma certa herança de Assassin’s Creed, Splinter Cell e dos outros títulos de Far Cry: a furtividade. A chamada “ação stealth” é aquela na qual você fica escondido em um cenário, estuda bem o ataque, derruba um por um dos inimigos sem fazer barulho e pode até cumprir uma missão inteira sem disparar nenhuma vez sequer sua arma. E isso funciona muito bem nas montanhas de Hope County, pois a vegetação abundante serve de cobertura para não ser detectado.

O diferencial de Far Cry 5 é que, mesmo bem escondido, você pode ser atacado por um urso, um porco-do-mato ou algum outro animal selvagem. E, quando isso acontece, sua “ação stealth” vai pro beleléu. Por isso, sempre que possível, procure esconder-se em lugares mais altos: a chance de ser atacado por um urso, por exemplo, é bem menor.

Pilotar um helicóptero e meter bala nos inimigos lá embaixo: isso é legal demais!

As famosas torres dos dois últimos títulos, que a gente subia para cumprir side-quests, estão com uma função distinta. OK, elas estão realmente diferentes do que eram nos outros jogos, mas a mecânica é igual: você precisa achar torres no meio das montanhas para destruir ou refazer conexões. Em outras palavras: quem tem vertigem de altura vai continuar subindo aquelas estruturas enormes para cumprir as missões.

Com um enorme mapa aberto e muita liberdade de ação, é inevitável voltarmos à rotina do que acontecia na ilha de Far Cry 3: a gente acaba passando tanto tempo explorando florestas e montanhas, atacando postos avançados inimigos e cumprindo missões paralelas que é comum muito, muito comum! simplesmente esquecermos qual era a missão principal.

E isso é algo que merece aplausos, pois mostra que o game é tão bem desenvolvido que o próprio jogador não se prende à ansiedade de finalizá-lo logo.

Far Cry 5 (primeiro trailer)

Redação Games4U

Far Cry 5 (primeiro trailer)

Depois de quase 10 horas de jogo, fechamos esta análise do jogo com oito dicas legais para você começar Far Cry 5 já se dando bem:

1. VÁ PARA O OESTE O mapa do jogo é dividido em diversas regiões distintas e a ação começa em uma pequena ilha. Ao sair de lá pela primeira vez, vá para o Oeste, a região dominada por John Seed. Aqui você vai encontrar rapidamente muitas missões e, como o terreno não é montanhoso (como o Norte), você pode usar veículos para se locomover mais rapidamente.

2. AJUDA PELO AR A exploração dos mapas tem ótimas recompensas, com itens para “looting” espalhados pelos cenários. E tem surpresas agradáveis: procure, por exemplo, ajudar um personagem chamado Nick Rye, que é piloto de aviões. Em retribuição, ele pode promover ataques aéreos a helicópteros que estão perseguindo você, por exemplo. É uma mão na roda.

3. USE O SILENCIADOR Atacar sem fazer barulho é o melhor jeito de não chamar a atenção dos inimigos. Assim que você conseguir sua primeira besta (arco e flecha), compre um silenciador para ataques mais efetivos e silenciosos.

4. CONVERSE COM NPCs Os personagens não-jogáveis (NPCs) são ótimos para dar informações, dicas e desbloquear áreas do mapa. Sempre procure conversar com eles (basta se aproximar) ou busque por cartas e mensagens em lugares abandonados: Far Cry 5 está recheado de dicas espalhadas pelos cenários.

Boomer não é só um pet legal: ele rouba armas para ajudar você!

5. ADOTE UM DOG O cachorro Boomer não é legal apenas para fazer carinho: ele é muito útilo para localizar inimigos, atacá-los, roubar armas e até reviver você, quando estiver ferido. Para achar o Boomer, vá para o Sudoeste para a região do Rae-Rae. Lá você encontrará uma fazenda cheia de inimigos: mate-os todos e procure a gaiola onde está preso o dog. Liberte-o e terá um amigão pra vida toda.

6. VÁ PESCAR Muitos upgrades de itens podem ser conseguidos pescando. Na verdade, esta é a forma mais rápida de conseguir itens extras, portanto, não perca a chance de ir a um rio fazer sua pescaria.

7. VÁ DE HOMEOPATIA Não é brincadeira! Em determinados lugares, você pode adquirir poções de fórmulas homeopáticas que podem dar habilidades extras ao protagonista, como velocidade, superforça e até visão raio-X. Se você for adepto do uso das Viagens Rápidas, não encontrará essas “mágicas” homeopáticas, pois elas estão escondidas em lugares especiais dos cenários.

8. CHEQUE SEMPRE O INVENTÁRIO Explorando cabanas abandonadas ou fugindo de um tiroteio, às vezes a gente pega itens (como revistas e bilhetes) e nem se dá conta do que guardou. Cheque sempre seu inventário: as chances de sempre ter algo que possa ajudar em algum upgrade são enormes.

(Fernando Souza Filho)

 

compartilhe

Confira as notícias e vídeos do mundo dos games

Twitch transmitirá em maio jogos ao vivo da NBA 2K League
Update de Black Desert Online deixa o jogador "poderoso"
Cenários de Elder Scrolls Online impressionam com Summerset